Dia 8 de março (e mais 364 dias do ano), dia internacional da mulher.

3

Category :

É sabido por todos que hoje, comemora-se o dia internacional da mulher devido à uma greve promovida por operárias de uma fábrica de tecidos no dia 8 de março de 1857 (salvo engano), tal manifestação foi repreendida da seguinte forma: prenderam as mulheres dentro da fábrica e incendiaram. Cerca de 130 mulheres morreram carbonizadas.

Elas, lá no século XIX lutavam por, entre outros motivos a igualdade salarial com os homens.

Passados um século e meio, esta luta ainda não chego ao fim. Infelizmente vivemos em uma sociedade machista onde a mulher ainda sofre com o preconceito.

Quem nunca ouviu frases do tipo: “mulher no volante é perigo constante” ou ainda “mulher é ótima, pilotando um fogão”...

E o que é mais abominável... nossas mulheres sofrem com a violência dentro de casa.

Graças à LEI Nº 11.340 DE 7 DE AGOSTO DE 2006, as denúncias estão crescendo e esses safados covardes estão indo pra cadeia.


Mas e a violência psicológica? que muitas vezes são piores que as físicas... como vamos punir?

O papel feminino na sociedade vem mudando ao longo dos anos. Foram à luta, e de forma guerreira e incansável conseguiram se fazer ouvidas; enxergadas e compreendidas.

Mulher, muito obrigado por nos mostrar o quanto vocês são inteligentes, determinadas, lindas e fortes. Obrigado por nos ensinarem a valorizar a vida, por nos mostrarem através de sua sabedoria o caminho certo. Obrigado por serem mães e mulheres simultaneamente... enfim...

Obrigado por vocês existirem e fazer com que nós sejamos ainda mais felizes a cada dia que passa.


A VOCÊS MULHERES, MINHA ETERNA ADMIRAÇÃO.


Por: Vinicius Mello.

3 papearam:

Maria Inácia Bellico disse...

Amei o post! Não apenas por eu ser mulher, mas por saber que temos reconhecimentos pelo que fazemos. Isso é muito bom. Realmente ainda temos que fazer muita coisa para chegar a um status de igualdade seja salarial, em questão de profissão, de comandos. Enfim, vamos chegar lá.

Bjim*

Daniel Savio disse...

Concordo com o post, pois mesmo que ela seja equiparada ao homem no salario, ainda tem um arduo caminho para seja algo como reconhecer o devido valor que elas têm...

Fiquem com Deus, galera.
Um abraço.

Nathália Monte ;D disse...

adoreiii brigadaa!! ;P
beijO

Postar um comentário